09/10/2010

Avatar

Massa de pastilhagem e cola de CMC



              Massa de pastilhagem é uma receita bem semelhante à pasta americana.
              Os ingredientes são praticamente os mesmos, mas por não ter gordura vegetal hidrogenada na pastilhagem, ela fica muito dura quando seca e, por isso ela é usada para se fazer peças e acessorios para decoração dos bolos.
             Com esta massa é possível fazer portas e janelas para casinhas feitas com pão de mel, é possível fazer cercas e até paredes de casinhas para decoração de bolos ou mesmo de mesas em festas infantis ou em ocasiões como natal e páscoa.
             Também é possível adicionar essencia para saborizá-la e depois modelar pastilhas e drageas, colorindo com corantes alimenticios.
            Certamente estas pastilhas ficarão muito decirativas e deliciosas.
            Mas guarde parte da massa enquanto você modela pequenas porções, dentro de sacos plásticos bem fechados porque ela resseca em contato com o ar.
            Modele a peça pretendida e deixe-a secando sobre papél aluminio. Se a massa ressecar demais durante a manipulação, umedeça as mãos e massageie a massa, mas cuidado para não encharcar a massa e perder o ponto.



              Receita 1:
              Ingredientes:

              - 1 receita de glucose caseira;
              - 1 sachê de gelatina incolor e sem sabor;
              - 2 colheres (das de sopa) de água;
              - 500 g de açúcar de confeiteiro;
              - maizena para trabalhar a massa;
              - corante e essencia a gosto.

              Prepare a glucose e quando estiver pronta, acrescente a gelatina hidratada nas 2 colheres de água.
              O calor da glucose vai dissolver a gelatina.
              Coloque o açuçar em uma bacia e coloque a glucose no centro.
              Comece a agregar o açúcar, misturando bem.
              A massa deve ficar com a textura de massinha de modelar infantil.
              Divida a massa e acrescente o corante e a essencia escolhida, controlando a cor.
              Polvilhe uma bancada com maizena e vá sovando, acrescentando maizena, aos poucos, até ficar numa consistencia boa para modelagem.
              Abra com mais ou menos 1 cm de espessura e corte nos modelos desejados.
              Deixe secar sobre superficie bem reta forrada com papél aluminio.



              Receita 2:
              Ingredientes:

              - 1 sachê de gelatina incolor e sem sabor;
              - 100 ml de água filtrada;
              - 750 g de açúcar de confeiteiro;
              - maizena para sovar a massa;
              - 1 colher (das de chá) de CMC (Carboximetilcelulose).

             Misture o CMC com o açúcar e reserve.
             O CMC é um espessante que ajuda a "secar" a pastilhagem e serve também para colar as peças recortadas no bolo.
             Hidrate a gelatina na água e leve ao fogo, em banho-maria, para dissolver.
             Despeje a gelatina, ainda quente, sobre o açúcar misturado com o CMC e vá agregando até formar uma massa homogenea.
             Polvilhe uma bancada com maizena e sove a massa até que ela fique maleável.
             Guarde parte dela dentro de sacos plásticos, enquanto você trabalha com pequenas porções.
             Se você vai modelar peças retas que depois completarão algum cenario, recorte as peças de acordo com os moldes previamente preparados, e deixe secar sobre uma bancada polvilhada com maizena e depois cole com a cola de CMC ou glacê real, no caso de estar montando uma casinha.
             Se você quer colocar uma barra ao redor do bolo, recorte uma barra contínua ou cortada em seções, e vá colando no bolo assim que recortá-las, usando a cola de CMC.



              Receita 3:

              - 1 clara;
              - 1/2 xícara (das de chá) de glucose;
              - 1 kg de açúcar de confeiteiro;
              - corante na cor desejada.

              Vá amassando com as mãos, agregando o açúcar aos poucos. Serve para fazer trançados.



              Massa elástica:

              - 21/2 xícaras (das de chá) de açúcar impalpável;
              - 1 colher (das de chá) de CMC;
              - 1 colher (das de chá) de glucose;
              - 3 colheres (das de sopa) de água.

              Misture o açúcar com o CMC.
              Acrescente a glucose dissolvida na água.
              Sove um pouco e deixe descansar por 6 a 8 h, dentro de um saco plástico bem fechado.
              Acrescente corante branco para igualar a cor com a da pasta americana.
              Use para modelar flores e peças delicada




Cola de CMC

               Cola de CMC:

               - 1 colher (das de chá) de CMC;
               - 1/2 xícara (das de chá) de água filtrada.

                O CMC deve ser polvilhado sobre a água como a gelatina incolor, formando uma chuvinha, para não empelotar (veja a segunda imagem da foto abaixo).
                Misture muito bem.
                Se ficarem grumos, bata no liquidificador.
                Leve à geladeira por 12 h antes de usar.
                Guarde em potinho bem fechado por até 3 dias, em geladeira


Cola de CMC




               Um excelente substituto para esta cola é a clara de ovo.
               Basta pincelar a clara sobre toda superficie a ser colada e aplicá-la no lugar desejado.
               Tanto a clara, quanto a cola de CMC devem ser aplicadas sem excesso.
               O excesso de qualquer uma das substancias vai impedir a colagem das peças.

              Composição: Seu nome químico é Carboximetil Celulose – composto hidrocolóide obtido através do processamento químico da celulose (composto orgânico natural que compõem as paredes das células vegetais).
              Principais Aplicações :
              O C.M.C. age como espessante, estabilizante (aglutinante) e agente de corpo em diversos segmentos da área alimentícia como: congelados, cremes, maioneses, margarinas, alimentos dietéticos, sopas e sobremesas em pó ou prontos, bebidas em geral, sucos de frutas e refrescos. O C.M.C. também é usado em preparados sólidos ou líquidos para refrescos, refrigerantes e licores.
              O C.M.C. é amplamente utilizado como espessante da confecção da pasta americana.
              Informações de Arcólor.


Para ver outras receitas de bolos, caldas, recheios e coberturas acesse o Índice 2.

12 comentários:

Anônimo disse...

ótimo, tudo o que eu procurava! :g

Gisavasfi disse...

@Anônimo
Fiquei muito feliz em ter sido útil. Obrigada pela visita e volte sempre.

Anônimo disse...

obrigada por partilhar conosco os seus conhecimento será

Gisavasfi disse...

@Anônimo:w É um prazer!
Um dia, alguém compartilhou comigo estes ensinamentos, direta ou indiretamente.
Guardá-los só para mim seria um erro.
Valeuzão. Abraços. :l

Anônimo disse...

:y

Gisavasfi disse...

@Anônimo:s :l

Anônimo disse...

Fiz a massa de pastilhagem numero 02 porem no outro dia ela ressecou e rachou...o q eu fiz de errado? tem alguma forma de consertar?

Gisele Vasfi disse...

@Anônimo:l Olá.
Não creio que você tenha feito nada errado.
Massas de modelar podem rachar, sim.
Procure sovar bem a massa antes de modelar ou de abrir com o rolo e depois de cortadas as peças verifique se não há micro rachaduras. Se houver micro rachaduras, massageie esta região delicadamente até que estas rachaduras desapareçam porque a tendência é que aumentem quando a peça secar.
Esta massa resseca mesmo. Ela é prórpia para fazer cercas, paredes de casa,modelagens chapadas qe depois serão aplicadas com a cola cmc ou com clara de ovo.
Então sove muito bem a massa e massageie as peças modeladas para retirar qualquer rachadura.
Se quiser reaproveitar as peças já secas que racharam, preencha as rachaduras com massa de pastilhagem fresca, nivelando bem para que estas emendas desapareçam.
Seja sempre bem-vinda. Bjs. :l

Anônimo disse...

Amei! Tudo para confeitaria!
Parabéns!

Gisele Vasfi disse...

@Anônimo :d É um prazer passas o pouquinho que sei.
Realmente eu gostaria de fazer muito mais em confeitaria. É muito bom.
Grata pelo carinho.
Beijos. :l

Anônimo disse...

Parabéns pelas receitas e dicas!

Gisele Vasfi disse...

@Anônimo:l Muito obrigada pelo carinho.
seja sempre bem-vinda(o).
Beijos. :l

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar.
Se quiser usar os emoticons, isolados ou formando frases, basta copiar o código ao lado do emoticon escolhido ( :a , por exemplo).
Não se esqueça de colocar os dois pontos (:) antes de cada letra, senão os códigos não funcionarão.
Por exemplo:
Sejam bem-vindos!
S e j a m b e m - v i n d o s !
:S :e :j :a :m :b :e :m - :v :i :n :d :o :s !
Depois de publicado o emoticon(s) aparecerá(ão).

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t   :u   :v   :w   :x   :y   :z