14 de mar de 2011

Avatar

Conservas de legumes - picles




              Receita 1:

              - 500 g de cenouras;
              - 500 g de chuchu;
              - 500 g de pepinos;
              - 500 g de cebolas pequenas;
              - 1 talo de erva-doce;
              - 1 talo de salsão;
              - 1/2 xícara (das de chá) de sal;
              - 1 colher (das de sopa) de cravos da India;
              - 2 bastões de canela;
              - 1 colher (das de chá) de pimenta-do-reino preta em grãos;
              - noz moscada ralada;
              - 2 folhas de louro;
              - 1 colher (das de sobremesa) de pimenta cabresa seca;
              - 1 colher (das de sopa) de ervas finas (tomilho, salvia, alecrim...);
              - 1/2 maço de hortelã;
              - 1 l de vinagre de vinho branco.

              Descasque e corte os legumes em tiras grossas. Junte o salsão e a erva-doce. Alterne camadas, em um pirex, camadas destes legumes e o sal, cubra com filme plástico. Deixe descansar, em um armario, por + - 20'.
              Pegue uma gaze fina e faça uma trouxinha com os cravos, a canela, as pimentas, a noz moscada, o louro e as ervas finas e leve para ferver com o vinagre, por 10', contados a partir do inicio da fervura.
              Lave os legumes em água corrente para retirar todo o sal.
              Esterelize os vidros, arrume os legumes lavados dentro, junte as folhas de hortelã e, se gostar, mais folhas de outras ervas frescas.
              Retire a trouxinha de temperos de dentro do vinagre e despeje o vinagre sobre os legumes.         
              Complete com mais vinagre, feche os vidros.
              Coloque um pano de prato no fundo de uma panela, coloque o(s) vidro(s) em cima, cubra com água e leve para ferver por 20'.



              Receita 2:

              - 1 kg de cenouras;
              - 500 g de pepinos;
              - 500 g de pimentões verdes e vermelhos;
              - 1 couve-flor;
              - 500 g de cebolas pequenas;
              - 2 nabos;
              - 2 l de vinagre de vinho branco;
              - 3 l de água;
              - 4 dentes de alho;
              - 3 folhas de louro;
              - 50 g de pimentas-do-reino em grãos.

              Esterelize os vidros.
              Higienize todos os legumes e ferva água em panelas separadas. Quando as águas ferverem, coloque a couve-flor em uma delas e cozinhe por 4'. Escorra e mergulhe em água filtrada com gelo, para interromper o cozimento. Na outra água fervente, cozinhe as cenouras por 2' e, a seguir, mergulhe em água filtrada com gelo. Reserve.
              Em uma terceira panela, coloque o vinagre, os 3 l de água, o alho, o louro, a pimenta e ferva por 10', contados a partir do inicio da fervura.
              Prepare uma mistura de 500 ml de água e 500 ml de vinagre de vinho branco, coloque as cebolas inteiras e cozinhe por 1', contado a partir do inicio da fervura.
              Arrume os legumes de forma decorativa nos vidros, se gostar coloque pimentas de cheiro higienizadas e ervas frescas, preencha com a mistura de vinagre e temperos. Se precisar, coloque mais vinagre. Os nabos, pimentões e pepinos são apenas higienizados e cortados.
              Coloque um pano de prato no fundo de uma panela, arrume os vidros em cima, cubra com água e ferva por 10', contados a partir do inicio da fervura.
              Durabilidade dos vidros fechados: 6 meses desde que guardados em armario escuro e seco.




              Higienização de legumes e frutas


              Principalmente quando forem consumidos crus ou preparados em conservas feitas para durarem alguns meses, a higienização deve ser muito, mas muito bem feita.
              Sou daquelas que não costuma olhar com cara feia para frutas e legumes com pontos pretos ou meio machucados. Afinal, que tem árvores frutíferas no quintal e uma pequena horta, sabe que nem sempre isso é sintoma de contaminação.
              Mas quando se trata de preparar geleias e conservas, a historia é bem outra. Todo cuidado com a qualidade e a higienização das frutas e legumes é pouco.

              Para fazer conservas procure comprar frutas e legumes no ponto correto de maturação, sem manchas ou pontos pretos, sem partes "amolecidas".

              Lave muito bem, em água corrente, usando uma escovinha do tipo usado para limpar unhas ou uma esponja. Em qualquer uma das opções, tenha sempre um conjunto separado para este fim. Nunca use a mesma esponja que usa para lavar a louça ou a escovinha que usa para lavar as mãos.

              Depois de retirado todo vestigio de terra e outros residuos, prepare uma solução de água e um agente desinfetante. Escolha entre as 3 opções abaixo.



              Opção 1:

              - 2 colheres (das de sopa) de vinagre de vinho tinto;
              - 1 l de água.

              Se a quantidade de frutas e/ou legumes for muito grande multiplique a receita até ser suficiente para cobrir as frutas/legumes.
              Mergulhe as frutas/legumes e deixe em repouso por 30'.
              Alguns lavam em água corrente depois de escorrerem a solução de vinagre, mas prefiro lavar em água filtrada. Escorra ou seque usando uma centrífuga destas de plástico.



              Opção 2:

              - 1 colher (das de sopa) de cloro;
              - 1 l de água.

              Prepare do mesmo modo que a primeira, mas deixe de molho por apenas 15'.




              Opção 3:

              - 2 gotas de Hidrosteril;
              - 500 ml de água.

              Este produto é vendido em farmacias, mas nas cidades maiores também é encontrado em supermercados e até feiras livres.
              Creio que existe também em comprimidos. Costumo usar mais as duas primeiras opções, mas minha irmã tem sempre o Hidrosteril em casa.
              Mergulhe as frutas/legumes na solução e deixe por 15'.
              O restante do processo é igual aos outros métodos.

    Para ver outras receitas de molhos e conservas caseiras acesse o Índice 4.


1 comentários:

Anônimo disse...

:b :s

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar.
Se quiser usar os emoticons, isolados ou formando frases, basta copiar o código ao lado do emoticon escolhido ( :a , por exemplo).
Não se esqueça de colocar os dois pontos (:) antes de cada letra, senão os códigos não funcionarão.
Por exemplo:
Sejam bem-vindos!
S e j a m b e m - v i n d o s !
:S :e :j :a :m :b :e :m - :v :i :n :d :o :s !
Depois de publicado o emoticon(s) aparecerá(ão).

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t   :u   :v   :w   :x   :y   :z