29 de nov de 2013

Alho em pasta e alhossal


Alho em pasta e alhossal 1


                Hoje fiz uma pasta de alho do jeitinho que eu gosto, bem cremosa e com pouco sal.
                E como esta semana estou preparando muitas receitas de temperos com sal, resolvi preparar também uma pasta de alhossal parecida com aquelas industrializadas, que contém muito mais sal do que alho.
                Elas são um quebra-galho muito bom, mas prefiro controlar a quantidade de sal que uso e com estas pastas é preciso escolher entre acentuar o sabor de alho e carregar no sal.
                Bom, com a pasta cremosa, menos salgada, sempre é possível acrescentar mais sal na hora de preparar um prato.
                Mas com o alhossal, não dá para carregar.
                Enfim, leia a receita e escolha o proporção ideal de sal para alho.


Alho em pasta e alhossal 2


                Ingredientes:

                - 500 g de alho;
                - 2 colheres (das de sopa) de sal;
                - 1/4 xícara (das de chá) de azeite ou óleo.

                Nos mercados encontamos pastas de alho de todas as formas: com pedacinhos de alho, pasta cremosa, pasta mais salgada, menos salgada e até temperada com pimentas ou ervas aromáticas.
                Eu prefiro a mais cremosa, um purê de alho, e menos salgada.
                Mas o começo para todos estes tipos de pasta é o mesmo.


Alho em pasta e alhossal 3

                Debulhe as cabeças de alho, soltando todos os dentes.
                Mergulhe os dentes de alho em água filtrada.
                O sumo do alho pode irritar e queimar a pele mesmo de quem não é alérgico. Quando descascamos um ou dois dentes não há problema (se não há histórico de alergia).
                Mas quando se trata de descascar 500 g ou mais a história já é diferente.
                Além disso, deixar os dentes de molho vai soltas as cascas mais facilmente.
                Depois de todos descascados, corte-os ao meio e repare no miolinho.
                Quando o alho é novo, este miolinho é quase branco e difícil de tirar.
                Quando o alho começa a envelhecer este miolinho vai se tornando mais firme e fibroso e muitas vezes adiquire um tom esverdeado.
                Nesta altura este miolo fica indigesto e se não for retirado vai deixar tua pasta verde.
                Creio que se deixarmos estes dentes de alho de lado, logo uma muda vai se formar e este miolinho vai dar origem à um cabinho.
                Bom, quando este miolinho está quase branco é praticamente impossível retirá-lo e não tem importância deixá-lo.
                Mas se este miolo estiver fibroso, remova-o.
                Coloque os dentes de alho no liquidificador, coloque o sal e o azeite.
                Bata até virar um purê.
                De vez em quando desligue o liquidificador e misture com uma colher. Isso é necessário só no começo, depois que os dentes maiores forem triturados não é preciso mais parar o liquidificador.


           
                 Há tempos fiz uma pasta com alhos mais velhos e quase virando mudas.
                 Nestas fotos abaixo é possível ver os miolinhos bem desenvolvidos.


Alho em pasta e alhossal 4




Alho em pasta e alhossal 5



                Alhossal

                - 250 g de alho;
                - 800 g de sal.

                Prepare a pasta de alho como descrito na receita acima.
                Como eu realmente prefiro purê de alho com menos sal, retirei uma pequena porção da pastas para fazer o alhossal.

Alho em pasta e alhossal 6

                Aqui você pode escolher entre usar a proporção de 1 x 1, ou seja, 250 g de alho batido para 250 g de sal ou iraumentando a quantidade de sal até chegar a 800 g, que é a proporção usada na maioria das receitas industriais.

                As pastas mais secas, com mais sal, podem ser guardadas em um armário, mas os purês com menos sal eu guardo na geladeira..

Para ver outras receitas de temperos e molhos caseiros acesse o Índice 4.


Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


4 comentários:

  1. Ola !!! Por favor qual o tempo de validade da pasta de alho ficando na geladeira ? A de tempero verde voce indicou um mes Obrigada suas receitas sao otimas !!!!!! Vera Dabrowa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Vera. Tudo bem?
      Muito obrigada pelo carinho. É um prazer saber que estou ajudando.

      Olha, eu faço a primeira receita e uso azeite que também é bactericida. Gosto de fazer para 2 meses, mas ela conserva bem até por 3 meses, na geladeira.

      A com até 800 g de sal você pode guardar por até 6 meses, na geladeira. Alho o mais fresco possível e vidros bem esterelizados.

      Beijos.

      Excluir
  2. Já falei que adoro essas receitinhas práticas, né? Mais uma salva com sucesso!

    Temperos, ervas e condimentos são os meus xodós, não abro mão deles de jeito nenhum e se houverem "mix" ou "combinações" com eles serão sempre bem vindos, ainda mais se facilitarem no uso diário. :)

    A proposito você sabe como fazer "lemon pepper" e "preserved lemon"?

    * Anne *

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Anne. Você já viu esta postagem aqui, Dicas com laranjas?
      Uma das dicas é desidratar as cascas raladas de laranja.
      O "lemon pepper" nada mais é do que a casca de limão siciliano ralada e desidratada, misturada com pimenta moída e sal.
      A quantidade de pimenta é a gosto e algumas pessoas acrescentam a mesma quantidade de sal. Ou seja, tempere a casca ralada e desidratada com pimenta do reino moída a gosto, meça esta quantidade e acrescente a mesma quantidade de sal.
      Você já viu também o tempero verde? Receita aqui.
      Ultimamente estou fazendo este tempero apenas com cheiro verde, cebolas, sal e azeite. Bem basicão, mas é uma mão na roda.

      Excluir

Sua opinião sobre o nosso espaço é muito importante.
Por isso sinta-se à vontade para registrá-la. Ou use esse espaço para tirar dúvidas ou deixar sugestões.
Seja sempre bem-vindo(a).