21 de dez de 2016

Torta de pêssego com treliça



Torta de pêssego com treliça 1

                Depois de 2 tortas de pêssegos sem creme, senti uma certa saudade das tortas com creme.
                E já que... é sempre culpa do Jaque!!!!!
                E tinha massa podre congelada.
                Ai, não teve jeito!!!!!
                Para piorar a situação resolvi deixar a massa podre mais podre ainda: acrescentei mais manteiga e dei uma semi folhada na massa.
                Como diria aquele culinarista: "Perdição!!!!!!!!"


Torta de pêssego com treliça 2


                Ingredientes:

                massa:
                - receita no final do post;
                - recheio:
                - 1 kg de pêssegos;
                - 1/2 xícara (das de chá) de açúcar;
                - creme:
                - 1 caixa de leite condensado;
                - 2 vezes a medida (use a caixinha) de leite integral;
                - 2 colheres (das de sopa) de maisena;
                - 2 gemas;
                - 2 colheres (das de sopa) de açúcar;
                cobertura:
                - 1 clara de ovo;
                - açúcar cristal.

                Lave muito bem os pêssegos, com uma esponjinha nova e detergente neutro.

Torta de pêssego com treliça 3

                Descasque os pêssegos, pique-os e coloque-os em uma panela, junto com a meia xícara de açúcar.
                Deixe ferver e desligue o fogo. Lembre-se que os pêssegos ainda serão assados junto com a torta.
                Passe para um pote e reserve.
                Prepare o creme.
                Misture o leite condensado, o leite integral, as gemas, a maisena e o açúcar e leve ao fogo.

Torta de pêssego com treliça 4

                Deixe engrossar, mexendo sempre.
                Cubra com filme plástico colocado bem rente ao creme (para não formar película que vai empelotar o creme) e deixe esfriar.
                Retire a massa da geladeira e divida em 2 porções.
                Abra a primeira porção entre dois plásticos (ou 1 plástico dobrado).

Torta de pêssego com treliça 5

                Se ao retirar o plástico notar que parte da massa ficou grudada, leve a massa, no plástico, à geladeira por 5 minutos.
                Vire a forma sobre a massa gelada e depois vire todo o conjunto.
                Retire o plástico, ajeite a massa na forma, recorte o excesso de massa deixando uma rebarba para fazer o acabamento final, depois de cobrir com a treliça.
                Pincele clara de ovo na parte interna da torta, para impermeabilizar a massa e não correr o risco de embatumá-la quando colocar o recheio.
                Abra a outra metade da massa, deixando-a com cerca de 4 mm.
                Com o auxílio de uma régua, recorte tiras desta massa. Use a numeração como gabarito para a largura das tiras. Eu cortei um pouco mais larga, mas achei o acabamento meio grosseiro. Já para a torta de geleia usei esta medida e a treliça ficou mas delicada.

Torta de pêssego com treliça 6

                Remova algumas tiras intercaladamente. Deixe as tiras que você removeu sobre uma assadeira forrada com papel manteiga.
                Volte a trabalhar as tiras que ficaram sobre o plástico, levantando as de nº par.
                Pegue uma das tiras que passou para o papel manteiga e coloque, transversalmente, sobre as tiras do plástico que ainda estão na posição original.
                Volte as tiras que você levantou para a posição original.
                Agora é a vez das tiras de nº ímpar serem levantadas.
                Pegue mais uma tira sobre o papel manteiga e coloque, tranversalmente, sobre as tiras que estão no plástico, deixando uma distância (entre as tiras perpendiculares) equivalente à largura das tiras.
                Continue fazendo este trançado, sempre intercalando as tiras que serão levantadas, ora as pares, ora as ímpares.
                Quando acabarem as tiras, cubra a treliça com o plástico e leve para gelar enquanto monta a torta. Isso vai facilitar na hora de cobrir a torta com este complicado projeto de engenharia.
                Coloque o creme na torta, alisando o topo.
                Espalhe o doce de pêssegos, cuidando para que as frutas fiquem centralizadas sobre o creme, sem avançar pela massa da lateral e formando um montinho alto.

Torta de pêssego com treliça 7

                Retire a treliça da geladeira e, sempre com o auxílio do plástico, vire a treliça sobre a torta.
                Centralize a treliça e corte o excesso das tiras.
                Ajeite as pontas abraçando o recheio.
                Feche aquela sobra de massa que você deixou para o arremate, cobrindo as pontas da treliça.
                Pincele a treliça com clara de ovo e salpique açúcar cristal.
                Leve a torta para assar e quando dourar, retire-a do forno e cubra com papel alumínio.
                Massas muito amanteigadas demoram para assar. Cobrindo-as com alumínio o topo não vai queimar enquanto a massa assa.
                Deixe no forno por mais 30 minutos depois de coberta com o alumínio.
                Rende 1 torta de 25 cm de diâmetro.

Torta de pêssego com treliça 8

                Com a sobra da massa prepare uma tortinha de geleia.
                Abra a sobra de massa e forre uma forma canelada de 16 cm de diâmetro.

Torta de pêssego com treliça 9

                Pincele clara de ovo e leve a massa para gelar.
                Abra o restante da massa e corte as tiras com o auxílio da régua.

Torta de pêssego com treliça 10

                Trance a treliça como ensinado acima e leve para gelar.
                Coloque geleia de sua preferência (adivinhe qual usei?????)  e cubra com a treliça.

Torta de pêssego com treliça 11

               Recorte as rebarbas da treliça e leve a torta para assar até dourar bem.
               Esta eu não pincelei clara, nem polvilhei açúcar cristal, por ser menor e ter muita geleia no recheio.

                Massa:

                - 500 g de farinha de trigo;
                - 200 g de manteiga;
                - 75 g de açúcar;
                - 1/2 colher (das de chá) de sal;
                - 150 ml de leite;
                - 200 g de manteiga para semi folhar.

                Bata a manteiga, o açúcar e 2/3 do leite até virar uma pasta.
                Misture o sal com a farinha e coloque 2 colheres, das de sopa, na mistura de manteiga, batendo até ficar na textura de pomada.

Torta de pêssego com treliça 12

                Coloque a farinha e o leite restante, manipulando até formar o farofão.
                Coloque todo o farofão em um saco plástico, comprima o saco para compactar um pouco a massa e amarre o saco.
                Leve à geladeira por 2 h 30'.
                Enquanto a massa gela prepare a manteiga para semi folhar.
                Corte uma tira de papel manteiga com cerca de 50 cm de comprimento.
                Espalhe a manteiga formando um retângulo de cerca de 20 x 25 cm, em metade da tira de papel.
                Cubra com a outra metade de papel.

Torta de pêssego com treliça 13

                Passe o rolo de massa ligeiramente para alisar a placa de manteiga e leve para gelar por alguns minutos ou até a massa podre estar no ponto.
                Retire a massa podre da geladeira.
                Coloque a massa sobre um plástico e abra-a com um rolo. No começo ela vai estar bem esfarelenta.
                Cubra esta farofa com o plástico e abra em um retângulo.
                Pegue a manteiga gelada, retire-a do papel manteiga e coloque sobre a massa.

Torta de pêssego com treliça 14

                Dobre a massa sobre a manteiga, vire a massa 90º e passe o rolo para ajustar a manteiga.
                Sempre com o auxílio do plástico, dobre a massa ao meio mais uma vez, embrulhe no plástico e leve para gelar por 1 h.
                Desembrulhe a massa, sem retirá-la do plástico, corte a ponta irregular da esquerda, colocando-a sobre a massa.
                Feche a ponta do plástico sobre a massa e passe o rolo, cuidando para deixar a massa retangular com as laterais regulares.

Torta de pêssego com treliça 15

                Dobre a massa da direita para a esquerda, sempre com o auxílio do plástico.
                Agora dobre 1/3 da massa da parte inferior para o centro e repita o movimento mais uma vez, formando um quadrado de massa.
                Embrulhe no plástico e leve para gelar até que a manteiga esteja firme de novo.
                Durante toda a manipulação da massa será necessário voltar com ela para a geladeira porque a manteiga amolece e a massa começa a grudar no plástico.
Para ver outras receitas de tortas acesse o Índice 1.



Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


Nenhum comentário:

Sua opinião sobre o nosso espaço é muito importante.
Por isso sinta-se à vontade para registrá-la. Ou use esse espaço para tirar dúvidas ou deixar sugestões.
Seja sempre bem-vindo(a).