12 de abr de 2011

Salada de kani kama



              Receita 1:

              - 1 batata doce cozida all dente;
              - 1 maço de agrião;
              - castanha de caju;
              - suco de maracujá;
              - páprica doce e pimenta;
              - tomates cereja;
              - sal.

              Corte a batata doce em rodelas. Coloque o agrião higienizado em uma travessa.
              Desfie alguns bastões de kani kama, misture com as castanhas, a batata, os tomates e coloque sobre o agrião.
              Tempere o suco de maracujá com a páprica, a pimenta e o sal.
              Tempere a salada.




              Receita 2:


              Molho:

              - 250 g de camarões cozidos em água;
              - 2 colheres (das de sopa) de maionese;
              - 2 colheres (das de sopa) de molho inglês;
              - 2 colheres (das de sopa) de creme de leite;
              - 2 dentes de alho amassados;
              - 4 colheres (das de sopa) de vinagre branco;
              - pimenta vermelha;
              - 2 colheres (das de sopa) de azeite;
              - sal a gosto;
              - 10 folhas de hortelã;
              - 2 colheres (das de sopa) de catchup;
              - 2 colheres (das de sopa) de azeite.

              Bata tudo, no liquidificador. Se precisar, coloque um pouco de caldo do cozimento dos camarões.


               Salada:

               - 1/2 maço de rúcula;
               - 1/2 maço de escarola;
               - 1 pimentão amarelo picado;
               - 5 a 7 bastões de Kani kama desfiados;
               - 100 g de pistache moído.

              Misture em uma saladeira. Sirva com o molho à parte.


              Para quem, como eu, só conheceu o kani kama através desta receita:
              "O principal componente do kani é o surimi – massa feita com carne de pescado. Para seu preparo são usados peixes de carne muito branca, provenientes dos mares mais gelados. A carne é moída e lavada em água doce gelada. Ao surimi são acrescentados extrato de caranguejo ou lagosta e ingredientes como amido de trigo, clara de ovo, açúcar, extrato de algas, sal, vinho de arroz, proteína de broto de feijão e glutamato monossódico. Essa pasta é moldada em finas camadas, que são enroladas até ficarem com 1,5 cm de diâmetro. Em seguida, a massa é tingida com corante alimentício vermelho, embalada em plástico a vácuo, cozida na própria embalagem e cortada dentro do plástico em bastonetes com 7,5 cm e 17 gramas cada." Wikipédia.

    Para ver outras receitas com peixes ou frutos do mar acesse o Índice 4.




Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


Nenhum comentário:

Sua opinião sobre o nosso espaço é muito importante.
Por isso sinta-se à vontade para registrá-la. Ou use esse espaço para tirar dúvidas ou deixar sugestões.
Seja sempre bem-vindo(a).