23 de mai de 2011

Bolo de pupunha e pirarucu



              Recebi esta receita, enviada pela Kaoma.
              Amei a receita. Até porque acabei conhecendo um ingrediente novo e fiz uma pesquisa básica a este respeito.
              Aqui, no sudeste, quando ouvimos falar em pupunha logo pensamos em palmito, que é um produto nobre desta palmeira. Mas muitas vezes não nos lembramos que diversas palmeiras também fornecem coquinhos bem deliciosos. E sabemos menos ainda, como utilizá-los na culinária.
             Valeu, Kaoma, pelo presente e pelo carinho.



              Ingredientes:

              Massa:

              - 4 xícaras (das de chá) de farinha de trigo;
              - 1 envelope de fermento biológico seco;
              - 1 xícara (das de chá) de açúcar;
              - 1 colher (das de chá) de sal;
              - 1 1/2 xícaras (das de chá) de leite;
              - 4 ovos;
              - 1 xícara (das de chá) de óleo;
              - 6 pupunhas cozidas.

              Misture a farinha, o fermento, o açúcar e o sal. Reserve.
              Bata os ovos com o óleo, no liquidificador, por 5'.
              Ligue o forno na temperatura mínima.
              Acrescente o leite e a polpa de pupunha, à mistura do liquidificador, e bata até homogeneizar.
              Desligue o liquidificador e despeje a mistura sobre a mistura de farinha, misturando bem.
              Coloque a massa em assadeira untada e enfarinhada e deixe crescer, no forno já desligado e morno, até dobrar de volume.
              Religue o forno e asse o bolo por 30' ±.
              Faça o teste do palito. Se sair seco, o bolo está pronto.
              Deixe esfriar.


              Recheio:

              - 400 g de pirarucu dessalgado;
              - azeite a gosto;
              - 2 dentes de alho picados;
              - 1 xícara (das de chá) de cebolinha picada;
              - 1 cebola media picada;
              - 1 envelope de realçador de sabor;
              - 100 g de azeitonas picadas;
              - 1 pimentão pequeno picado;
              - 1 caixinha de creme de leite;
              - 1 xícara (das de chá) de cheiro verde picado.

              Desfie o pirarucu. Aqueça o azeite e refogue o alho, a cebola e o pirarucu.
              Coloque o realçador de sabor, as azeitonas e o pimentão. Refogue mais um pouco.
              Acrescente o creme de leite e, quando levantar fervura, acrescente o cheiro verde e a cebolinha e desligue em seguida.
             Corte o bolo ao meio, formando duas placas.
             Coloque uma das placas sobre um prato e espalhe o recheio por cima.
             Cubra com a outra placa, espalhe a cobertura e decore com batata palha e azeitonas.


              Cobertura:

              - 200 g de catupiry;
              - 200 g de maionese.

              Misture os dois.

              Para cozinhar os coquinhos da pupunha:
              Lave bem os coquinhos e coloque em uma panela, com água e sal. Cozinhe por 1 h. Pelo tempo, sugiro que se cozinhe em panela de pressão.
             Deixe amornar e descasque, puxando a pele da parte inferior para cima. Corte ao meio e retire as sementes, se a espécie que você tem às mãos, as possuir.
             Passe a polpa por uma peneira para reter possíveis fiapos, comuns em algumas espécies.

    Para ver outras receitas de peixes acesse o Índice 4.
    Para ver outras receitas de bolos salgados acesse o Índice 5.



Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


Nenhum comentário:

Sua opinião sobre o nosso espaço é muito importante.
Por isso sinta-se à vontade para registrá-la. Ou use esse espaço para tirar dúvidas ou deixar sugestões.
Seja sempre bem-vindo(a).