18 de jul de 2012

Coxinha de mandioquinha, de aipim e de bacalhau



Coxinha de galinha


               Houve um tempo em que tive muita dificuldade em modelar salgadinhos.
               Transposta esta dificuldades...
               Vamos variar!


Coxinha de carne seca

              Coxinha de mandioquinha:

              - 1 litro de leite;
              - 1 colher (das de sobremesa) de sal;
              - 2 tabletes de caldo de galinha;
              - 1/2 xícara (das de chá) de óleo;
              - 4 xícaras (das de chá) de farinha de trigo;
              - 1 xícara (das de chá) de mandioquinha cozida e espremida;
              - 2 gemas;
              - para empanar:
              - 1 clara de ovo;
              - 200 g de farinha de rosca.

               Cozinha a mandioquinha de preferência no vapor, faça um purê e bata com parte do leite no liquidificador, para evitar pedacinhos ou pelotinhas de batata na massa.
               Misture o leite restante, o sal, caldo de galinha e o óleo, e leve para ferver.

Coxinha de carne seca

               Quando levantar fervura jogue a farinha de trigo, tudo de uma vez e mexa bem.
               Cozinhe até que, ao pegar uma porção de massa nas mãos, a massa não grude.
               Coloque a massa numa bancada, abra-a, coloque as gemas e sove a massa, com auxílio de uma espátula, até formar uma bola de massa bem lisa.
                Embrulhe em filme ou saco plástico e leve para gelar por 6 a 8 h.
                Pegue pequenas porções de massa, modele uma conchinha e recheie com o refogado de carne seca.

Coxinha de carne seca

               Feche dando o formato de coxinha e empane.
               Para empanar passe a clara de ovo na palma da mão e envolva a coxinha nesta clara. Assim não irão ficar gotas de clara na coxinha, o que puxaria muita farinha de rosca e deixaria a coxinha mal acabada.
               Depois de besuntar na clara, passe na farinha de rosca.
               Frite até dourar e escorra em papel toalha.


              Recheio:

              - 400 g de carne seca;
              - 2 cebolas picadas;
              - cheiro verde a gosto ou tempero verde a gosto;
              - 200 g de mandioquinha cozida e espremida;
              - azeite;
              - 1 dente de alho;
              - 1 sachê de tempero para carne.

              Dessalgue a carne seca, colocando de molho em água filtrada e na geladeira, por 24 h, trocando a água a cada 4 h.
              Cozinhe na panela de pressão até ficar bem macia, com o tempero verde (cheiro verde, cebola, alho, pimentão batidos no liquidificador com azeite e um pouquinho de água filtrada) aproximadamente 70 minutos.

Recheio de carne seca

              Desfie e reserve.
              Doure o alho, acrescente a cebola, junte a carne seca desfiada e o sachê de tempero e refogue tudo muito bem, deixando sem caldo nenhum.
              Eu preferi usar o recheio sem mais nada,só com os temperos,  mas pode acrescentar ou creme de leite ou requeijão cremoso ou purê de mandioquinha na carne refogada.
              Se for acrescentar creme de leite, leve novamente ao fogo e refogue até secar todo o creme. Com o requeijão e a mandioquinha não é necessário voltar ao fogo.


Coxinha de bacalhau

              Coxinha de aipim:

              Massa:

              - 250 g de aipim;
              - 250 g de batatas;
              - 1 kg de farinha de trigo;
              - 1 sachê de caldo de bacon;
              - 1 sachê de caldo de galinha;
              - 1 l de leite;
              - 2 colheres (das de sopa) de cheiro verde;
              - 1/2 colher (das de sopa) de açúcar;
              - sal.

              Cozinhe o aipim e a batata no caldo de cozimento do frango do recheio.
              Bata no liquidificador, com parte do leite, recoloque na panela com os ingredientes restantes.
              Torne a levar ao fogo, mexendo sempre, até soltar do fundo da panela, formando uma bola de massa.
              Passe para uma bancada e sove, com uma espátula, até esfriar.
              Cubra com um plástico ou embrulhe em filme plástico e leve para gelar, por 3 h.
              Modele, recheando, empane passando no leite e na farinha de rosca e frite.


              Recheio:

              - 2 kg de peito de frango;
              - 1 sachê de caldo de bacon;
              - 2 colheres (das de sopa) de cheiro verde;
              - 1 l de água;
              - cebola e alho a gosto;
              - 5 tomates pelados e picados.

              Cozinhe o frango com o caldo de bacon, o cheiro verde, a água, a cebola e o alho.
              Escorra, reserve o caldo e junte os tomates picados ao frango desfiado.


              Coxinha de bacalhau:

              Massa:

             - 150 g de manteiga;
             - 3 colheres (das de sopa) de azeite;
             - 1 cebola ralada;
             - 1 dente de alho;
             - 2 tomates pelados e picados;
             - 700 ml de água;
             - 300 ml de leite;
             - 1 xícara (das de chá) de batata cozida e espremida;
             - 2 sachês de caldo de bacalhau;
             - salsinha;
             - 450 g de farinha de trigo;
             - sal;
             - 2 gemas.

             Aqueça a manteiga e o azeite.
             Junte a cebola e o alho, refogue e acrescente os tomates, a água, o leite e as batatas.
             Deixe ferver e junte o caldo de bacalhau, a salsinha, acerte o sal e junte a farinha de trigo.
             Mexa até soltar do fundo da panela.
             Despeje em uma  bancada, sove com auxilio de uma espátula, acrescentando as gemas.
             Embrulhe em filme plástico e leve para gelar por 3 h.


              Recheio:

              - 4 colheres (das de sopa) de azeite;
              - 3 colheres (das de sopa) de manteiga;
              - 1 cebola grande ralada;
              - 2 dentes de alho;
              - 350 g de bacalhau dessalgado, cozido e desfiado;
              - salsinha picada.

               Processe levemente o bacalhau.
               Aqueça o azeite e a manteiga e refogue o alho e a cebola.
               Acrescente o bacalhau e a salsinha e refogue até secar todo o líquido.


Para ver outras receitas de salgadinhos acesse o Índice 5.


Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


Nenhum comentário:

Sua opinião sobre o nosso espaço é muito importante.
Por isso sinta-se à vontade para registrá-la. Ou use esse espaço para tirar dúvidas ou deixar sugestões.
Seja sempre bem-vindo(a).