Achocolatado caseiro     Coquetéis de frutas     Suco e licor de tamarindo     Refrigerante caseiro de laranja     Maçãs e peras em compota     Salada de frutas     Filhós com calda de especiarias     Filhós da vó Anayde     Bolo quindão     Pudim de coco do Auli Jr     Pudim de laranja     Frozen iogurte e sorvete de manga     Suco e sorvete de pêssegos     Arroz de bacalhau     Baião de dois     Frango à passarinho com gengibre     Fricassé de frango     Carne assada no licor de amoras     Batatas ao forno     Salada Caprese     Salada crua com maionese de tangerina     Salpicão de frango     Caldeirada de cação com frutos do mar     Camarão com caju     Camarão no coco verde     Camarão com chuchu     Peixe com quiabo     Torta salgada de ano novo     Fogazza frita     Pizza da Beatriz     Sanduiche de forno     Soborô do jantaro     Tortilhas e nachos     Meus segredos
Clique em cada imagem para acessar a receita correspondente e na última imagem acesse o Mapa do blog.

05/12/2012

Sorvete de frutas caseiro


Arraste a setinha abaixo e use-a como marcador durante a leitura da receita ou das listas de índice.     

Sorvete de frutas caseiro

                Quando eu era criança, eu amava quando a minha mãe colocava a gelatina no congelador, para acelerar o endurecimento, e a gelatina congelava.
                Eu até torcia para este "erro" ou "descuido" acontecer. Amava o "sorvete de gelatina".
                Mais tarde vi algumas tias fazerem sorvete de leite apenas congelando leite adoçado em forminhas de bombocado.
                Depois, minhas primas e eu começamos a tentar fazer nossos sorvetes com aqueles pozinhos para suco.
                Uma vez fizemos um sorvete e reclamamos tanto da dureza dos sorvetes que minha mãe resolveu ensinar um truquezinho: bater claras de ovo e misturar à massa semi congelada de sorvete.
                Ficou um espetáculo e minhas primas puxaram um coro de agradecimento à minha mãe, na varanda da casa de nossa vó Anaíde.
               Então, quando vi algumas receitas na tv, é claro que anotei e testei.
               Uma delas, a de sorvete industrial, foi ensinada pela Luzinete Veiga e fiz tantas vezes que comprei potes especiais (especiais porque cabiam exatamente a metade da receita).
               A outra receita, a que leva gelatina, vi no Mais Você e a terceira é uma variação desta segunda receita.
               Enfim, aproveitando a minha safra de amoras fiz o meu sorvete de... amoras é claro!


Sorvete de frutas caseiro 2

              Receita 1, sorvete de amoras:
              Mais Você.

              - 1 lata de leite condensado;
              - 1 lata de creme de leite;
              - 1 sachê de gelatina diluída em 200 ml de água fervente;
              - 200 ml de água gelada;
              - geleia da fruta do mesmo sabor da gelatina ou a fruta fresca ou em calda picadas.

             Misture a gelatina dissolvida na água fervente com a água gelada.

Sorvete de frutas caseiro 3


             Coloque no liquidificador e junte o leite condensado e o creme de leite.
             Bata por uns 2 minutos.
             Depois coloque em um pote e leve ao freezer ou congelador por umas 4 horas.
             Quando estiver bem congelado corte em pedacinhos e coloque, aos poucos, na batedeira.
             A medida que batemos a massa do sorvete vai crescendo até encher toda a bacia da planetária.
            Se quiser acrescentar a compota de frutas esta é na hora de adicioná-las.
            É só mexer delicadamente e por em um pote e geladeira por mais 3 ou 4 horas!
            Cortei minha base de sorvete, deixando uma parte maior do que a outra.
            Depois de bater a parte maior na batedeira, misturei as amoras em calda e coloquei em um pote e levei para congelar por mais 4 h.
            A outra parte da base, depois de batida voltou ao congelador sem frutas adicionais.


Sorvete de frutas caseiro 4

                Para fazer amoras em calda para acrescentar ao sorvete basta ferver as frutas com açúcar a gosto. Não precisa acrescentar água porque as frutas vermelhas têm muito suco e soltam este suco durante a fervura.
                Ferva até reduzir o caldo e formar uma calda grossa.
                Se quando esfriar notar que a calda está rala leve para ferver mais um pouco. O ideal é que a calda fique na consistência de calda para sorvete.




             Variação:
             Bata o leite condensado, o creme de leite, 1 colher, das de sopa, de gelatina incolor sem sabor, hidratada e dissolvida em 1/2 xícara, das de chá de suco de amoras e mais uma lata e meia, medida, de calda de amoras no liquidificador, por 2'.
            Leve para gelar por 4h.
            Bata na batedeira com 1/2 colher , das de sobremesa, de emulsificante e, se quiser, na hora que a massa começar a crescer, acrescente amoras em calda ou calda de amoras e leve para gelar por mais 3 ou 4 h.
            Sirva com calda e pralinê de amendoim ou de nozes.


 


Sorvete industrial 1

            Receita 2, sorvete industrial:
            Luzinete Veiga

            1ª etapa:
            - 1 litro de leite;
            - 2 colheres (das de chá) de liga neutra;
            - 1 xícara (das de chá) de açúcar.

            Bata no liquidificador por 3'.

Sorvete industrial 2

            Coloque em uma assadeira de alumínio ou travessa de vidro pequena e leve ao freezer ou congelador até endurecer. Como o alumínio gela muito mais rápido, em 1 hora.
            Divida a massa em duas e coloque metade de volta no congelador e a outra metade na batedeira com os ingredientes abaixo.

           2ª etapa:
           - 1/2 lata de leite condensado;
           - 1/2 lata de creme de leite;
           - 1 colher (das de sobremesa) de emulsificante;
           - 3 colheres (das de sopa) de pó saborizante ou polpa de frutas;
           - meia base congelada picada em cubinhos.

           Pique metade da base congelada com uma faca e coloque os pedaços na tigela grande da batedeira.

Sorvete de frutas caseiro


           Adicione os ingredientes restantes e bata por 12 minutos (comece na velocidade mais baixa e vá aumentando).
          Vai virar uma massa enorme e fofa.
          Coloque em pote de sorvete ou pote plástico e tampe.
          É importante que o pote fique cheio até a boca para não criar cristais de gelo.
          Caso o pote seja maior que a quantidade de sorvete, coloque um pedaço de filme plástico encostado na massa antes de tampar.
          Leve para congelar.

          Não se esqueça: para cada metade da primeira etapa coloque, na batedeira, toda a quantidade de ingredientes da segunda etapa. O que significa que para fazer a receita inteira, com 1 l de leite, você vai usar 1 lata de leite condensado, 1 de creme de leite, 2 colheres, das de sobremesa, de emulsificante e 6 colheres, das de sopa, de pó saborizante.
          Como o emulsificante faz a massa encher a tigela da planetária, bata sempre metade da receita.
          A liga neutra serve para unir os ingredientes e o emulsificante para aerar e dar volume.



Sorvete industrial 3

          Se quiser fazer sorvete de flocos use um pó saborizante branco, no caso eu usei o de coco.
          Quando a massa já tiver crescido quase até a borda, acrescente 1 xícara, das de chá, de chocolate ao leite derretido no micro por 1 minuto e meio ou em banho-maria, sem desligar a batedeira.
          As duas primeiras imagens acima são do sorvete de flocos, as duas seguintes eu acrescentei chocolate já com a batedeira desligada.

Sorvete de frutas caseiro

           Se quiser pedacinhos maiores de chocolate misturados na massa deixe para acrescentar o chocolate derretido quando a batedeira estiver desligada, mexendo sempre.

 

            Receita 3:
            Luzinete Veiga

            - 4 claras;
            - 4 colheres (das de sopa) de açúcar;
            - 4 gemas;
            - 4 colheres (das de sopa) de açúcar;
            - 300 g de chocolate branco ou 300 ml de calda de amoras ou outra fruta;
            - 1/2 lata de creme de leite;
            - 1/2 lata de leite condensado;
            - 400 ml de creme de leite fresco batido em chantilly.

            Misture as claras com a primeira medida de açúcar e leve ao fogo, em banho-maria, mexendo sempre até o açúcar dissolver.
            Bata em neve firme e reserve.
            Misture as gemas com a segunda medida de açúcar e leve ao fogo, em banho-maria, mexendo sempre até o açúcar dissolver.
            Bata, na batedeira, até triplicar de volume, misture as claras em neve e bata para misturar.
            Derreta o chocolate e misture o creme de leite. Ou bata a calda de amoras com o creme de leite e o leite condensado.
            Despeje esta mistura sobre a mistura de ovos e mexa delicadamente.
            Acrescente o chantilly e leve para gelar.

 

            Receita 4, minha versão:

Sorvete caseiro de amoras

            - 1 lata de leite condensado;
            - 2 latas (medida) de amoras picadas ou calda de amoras;
            - 1 lata de creme de leite;
            - 2 colheres (das de sopa) de suco de limão;
            - 1/2 colher (das de sobremesa) de emulsificante para sorvete;
            - opcional: 1 colher (das de sobremesa) de gelatina incolor sem sabor hidratada em 1/4 xícara (das de chá) de água.

             Bata, no liquidificador, o leite condensado, as frutas, o creme de leite e o suco de limão.

Sorvete caseiro de amoras


             Com o liquidificador ainda ligado, acrescente a gelatina hidratada e dissolvida em banho-maria.
             Coloque em um pote e leve para gelar até endurecer.
             Pique em cubinhos e coloque na batedeira, com o emulsificante e bata até triplicar de volume.
             Torne a levar para gelar.
             Se quiser, acrescente amoras em calda à massa antes de levá-la pela segunda vez ao congelador.
             Eu acrescentei mais um pouco de calda ainda na batedeira porque achei que o sorvete ficou muito claro ao ser batido com o emulsificante.
             Se fizer só com a gelatina vai ficar muito bom, mas vai parecer mais uma mousse do que mesmo um sorvete.

     Para ver outras receitas de sorvetes e seus complementos acesse o Índice 1.



Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros

Sua opinião sobre o nosso espaço é muito importante.
Por isso sinta-se à vontade para registrá-la. Ou use esse espaço para tirar dúvidas ou deixar sugestões.
Comentários ofensivos não serão publicados. Discordar é saudável, ofender não.
Propagandas e links externos também não serão publicados.
Seja sempre muito bem-vindo(a).

2 comentários:

  1. Lusinete preciso de uma receita para sorvete de milho verde tenho todos os ingredientes,mas não sei como incrementar o milho verde.Sigo suas receitas a muito tempo aprendi a fazer balas de coco com você.Me ajude .Muito Obrigada Olivia Guerra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Olivia.
      Meu nome é Gisele e a minha companheira no blog é minha filha Marine. Nós aprendemos muita coisa com a Luzinete, inclusive o sorvete que transcrevemos aqui e a bala de coco, que eu já fiz, inclusive a recheada.
      Infelizmente não poderemos te ajudar porque nunca fizemos sorvete de milho verde. Aliás, é uma excelente ideia e já a colocamos em pauta.
      E sinto dizer, mas não conhecemos a Luzinete pessoalmente, então não temos contato com ela.
      E é sempre um prazer ter você aqui.
      Beijos e smacks.
      Gisele e Marine.

      Excluir