24 de jul de 2013

Bolinhos fritos de cenoura, de chuchu e de espinafre e abobrinha à milanesa


Bolinhos fritos de cenoura, de chuchu e de espinafre


               Mais uma forma de variar a apresentação dos legumes do dia a dia.
               Friturinhas simples e muito gostosas.
               O bolinho de cenoura aprendi com minha mãe, o de chuchu, que na verdade chamamos simplesmente de chuchu com ovo, aprendi com minha sogra e o de espinafre aprendi com  minha madrasta.
               Impossível dizer qual deles é o melhor!!!!!
               Ah! E de quebra: abobrinha à milanesa.
               Todos foram aprovadíssimos onde quer que os faça.




Bolinhos fritos de cenoura


               Bolinho de cenoura da Edna:

               - 2 cenouras grandes;
               - 2 ovos;
               - 150 ml de leite;
               - 450 g de farinha de trigo;
               - 1 colher (das de chá) de fermento em pó químico;
               - cheiro-verde, cebola ralada, alho e sal a gosto;
               - 1/2 xícara (das de chá) de queijo parmesão ralado;
               - queijo branco ou amarelo em cubinhos ou frios em cubinhos.

               Pique as cenouras e bata, no liquidificador, com os ovos, o leite e os temperos.


Bolinhos fritos de cenoura

               Coloque a farinha, o fermento e o parmesão ralado em uma bacia e despeje o líquido batido.
               Misture bem. Fica uma massa firme.
               Acerte o sal.
               Pegue porções da massa e coloque um cubinho de queijo, pedacinhos de azeitonas ou de frios no centro e ajeite a massa, cobrindo o recheio, com auxilio de outra colherinha.
               Frite até dourar, em óleo bem quente e escorra em papél absorvente.

               Sugestão: substitua a cenoura por beterraba, espinafre ou milho em conserva escorrido.



Bolinhos fritos de chuchu


               Bolinho de chuchu da Iracema:

                - 1 a 2 chuchus;
                - 2 a 3 ovos;
                - 3 a 4 colheres (das de sopa) de farinha de trigo;
                - 2 colheres (das de chá) de fermento em pó químico;
                - sal e pimenta do reino a gosto.

                Descasque e corte o(s) chuchu(s) em pedaços grandes.
                Cozinhe os pedaços em água e sal. Deixe-os esfriarem.

Bolinhos fritos de chuchu


                 Bata as claras em neve firme, acrescente as gemas e, com a batedeira ligada, a farinha misturada com o fermento e o sal.
                 Tempere com pimenta do reino.
                 Passe os pedaços de chuchu por esta mistura de ovo e frite em oleo bem quente.
                 Se a massa escorrer pelo legume, acrescente mais 1 ou colheres de farinha de trigo à massa.
                 Escorra em papél absorvente.

                 Nota: eu não fiz com estes bolinhos porque simplesmente não lembrei, na correria para fotografar e servir o almoço na hora certa, mas uma boa dica para que as frituras deste tipo não absorvam muito óleo é passar os pedaços de legumes e até de frutas, por maisena antes de passá-los na mistura de ovo. A maisena bloqueia um pouco a absorção de óleo, deixando a fritura mais sequinha.
                 Não é a toa que a massa que envolve as famosas frutas carameladas servidas em restaurantes chineses, antes de fritas, leva maisena na sua composição.
                
                 Sugestão: você pode fazer com cenouras em pedaços grandes cozidos no vapor ou couve-flor (separe os buquês) ou brócolis (separe os buquês) também cozidos no vapor.




Bolinhos fritos de espinafre


               Bolinho de espinafre da Delnir:

               - 1 maço de espinafre;
               - 1 ou 2 ovos;
               - sal;
               - 3 colheres (das de sopa) de farinha de trigo;
               - cebola ralada a gosto;
               - 2 colheres (das de chá) de fermento em pó químico;
               - sal e pimenta do reino a gosto.

                Lave muito bem as folhas de espinafre e cozinhe-as no vapor.


Bolinhos fritos de espinafre

               Pique bem pequenininho com a faca e depois esprema entre as mãos para retirar todo líquido. Mesmo cozinhando no vapor as folhas soltam muito líquido.
               Deixe amornar e misture o(s) ovo(s), a quantidade vai depender do tamanho do maço do espinafre , a farinha de trigo, a cebola ralada e acerte o sal.
               Na hora de misturar os ovos, desmanche o bolinho de folhas picadas que se formou quando retiramos o líquido do cozimento, com auxílio de um garfo.
               Aparentemente a quantidade de folhas é pequena, mas depois de misturadas aos outros ingredientes e, principalmente, depois de "soltar" todos os pedacinhos das folhas é que percebemos o quanto um maço de espinafre rende. E rende muito.
               Junte o fermento em pó e frite em óleo bem quente, colocando colheradas de massa na frigideira.Use uma colher das de sobremesa para porcionar os bolinhos.

               Sugestão: substitua o espinafre por cenoura crua ou beterraba crua raladas no ralo mais grosso, por folhas de cenoura ou de beterraba, por folhas de brócolis, por repolho ralado, por rúcula ou por qualquer folha que você costume cozinhar.




Abobrinha à milanesa


               Abobrinha à milanesa da Gisele:

               Ingredientes:

               - 1 ou 2 abobrinhas;
               - tempero à gosto;
               - sal;
               - 2 claras de ovo;
               - farinha de rosca.

                Lave e corte a abobrinha em rodelas.
                Também fica muito bom se cortar as abobrinhas em fatias finas e longas.

Abobrinha à milanesa

               Tempere com os temperos preferidos. Eu usei o meu mix favorito.
               Bata as claras com um pouquinho de sal.
               Sempre tenho pelo menos um potinho de claras congeladas e uso apenas as claras para fazer empanados porque as gemas criam muita espuma durante a fritura, o que dificulta na hora de ver o ponto das frituras e faz com que elas absorvam mais gordura.
               Passe as rodelas ou fatias de abobrinha pelas claras e, a seguir, pela farinha de rosca.
               Frite em óleo bem quente.

               Também fica muito bom substituir as abobrinhas por berinjelas.
Para ver outras receitas com legumes ou queijos acesse o Índice 4.




Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


4 comentários:

  1. Adorei sua página, e esses bolinhos parecem ser maravilhosos, o de abobrinha já conhecia, e sei que é bom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Clara. Com certeza você vai gostar de todos os bolinhos.
      Muito obrigada pelo carinho.
      Seja sempre bem-vinda.

      Excluir
  2. Adorei o blog, recitas bem explicadas.

    Muito bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz e realizada.
      Obrigada pelo carinho em comentar.
      Seja sempre bem-vindo(a).

      Excluir

Sua opinião sobre o nosso espaço é muito importante.
Por isso sinta-se à vontade para registrá-la. Ou use esse espaço para tirar dúvidas ou deixar sugestões.
Seja sempre bem-vindo(a).