14 de ago de 2014

Toucinho do céu


Toucinho do ceu 1

               Há tempos eu queria fazer este doce, mas a quantidade de gemas e de açúcar sempre me bloqueou.
               Só de ver a espessura da camada de açúcar que cobre este doce, em fotos achadas na internet, eu já desistia de prepará-lo.
               Mas resolvi atualizar as fotos da minha postagem Doces de abóbora e, embora as nossas abóboras mais comuns não tenham nada a ver com a abóbora gila, resolvi aproveitar meu doce de abóbora pastoso para fazer esta receita.
               Fiz apenas 1/4 da receita para não estourar os níveis de glicemia.
               E haja chá de folhas de amora, de pitangas e de melão de São Caetano para rebater tanto açúcar.
               A propósito, vi muitas receitas de toucinho do céu com coco ralado no lugar da abóbora.
               E a ideia de assar em forminhas individuais, nesse caso de pão de mel, eu vi no blog Cozinha da Pri, mas a receita dela é diferente dessa.
               Deve ficar muito bom também.



Toucinho do ceu 2

               Ingredientes:

               - 150 g de farinha de trigo;
               - 1 l de água;
               - 1 kg de açúcar;
               - 125 g de manteiga;
               - 250 g de doce de abóbora gila;
               - 250 g de amêndoas moídas;
               - 30 gemas.

               Dissolva a farinha em metade da água.

Toucinho do ceu 3

               Leve a água restante ao fogo com o açúcar ao fogo até o ponto de pérola (um pouco depois do ponto de bala mole).
               Retire do fogo, coloque a manteiga, sem mexer e deixe esfriar.
               Acrescente o doce de abóbora, a farinha diluída, a farinha de amêndoas e as gemas ligeiramente batidas, misturando bem.
               Coloque em forminhas de pão de mel de 5 cm Ø, untadas com manteiga.
               Leve ao forno preaquecido, 200º, por 20' ou até começar a dourar.
               Retire do forno e polvilhe açúcar.
               Rende 40 unidades.


               O doce toucinho do céu é feito com doce de abóbora gila.
               Eu só ouvi falar desta abóbora quando vi as varias versões do doce toucinho do céu, então precisei pesquisar para saber qual abóbora, dentre as mais populares do Brasil, poderia substituir a gila.
               Aparentemente nenhuma já que, segundo o site Portal dia de campo, ela pode ser substituida pelo coco ralado que casa muito bem com abóboras, mas tem textura e sabor diferentes das abóboras.

Abóbora gila

               Então, como eu já planejava fazer vários doces com abóbora de pescoço, resolvi experimentar a receita com um doce cremoso desta abóbora.
                As fotos acima são do site Portal dia de campo, e se você quiser ler na íntegra e saber mais sobre a abóbora gila, que é cultivada especialmente no sul do Brasil, leia aqui.

Para ver outras receitas com sobremesas, bombocados e gelatinas acesse o Índice 6.



Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


2 comentários:

  1. Tenho uma receita muito boa de Toucinho, muito menos açúcar e ovos e não leva abóbora. O açúcar de confeiteiro colocado em cima não acrescento muito doce pois é quase sem gosto. Fiz várias vezes. Vou
    procurar a receita e mandar p/vc.... Glaucia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Glaucia.
      Vou amar receber a sua receita, prepará-la e publicá-la.
      Gosto de ter as receitas originais e as mais variadas adaptações.
      E a ideia de não colocar o açúcar em cima é muito boa.
      Principalmente em se tratando de cuidar da saúde.
      Vou aguardar ansiosa.
      Beijos e seja sempre bem-vinda.

      Excluir

Sua opinião sobre o nosso espaço é muito importante.
Por isso sinta-se à vontade para registrá-la. Ou use esse espaço para tirar dúvidas ou deixar sugestões.
Seja sempre bem-vindo(a).