8 de fev de 2017

Língua ao molho de cacau



Língua ao molho de cacau 1

                Esta receita originalmente é feita com vinho tinto seco, mas eu realmente não gosto de beber e achei que comprar uma garrafa de vinho para usar apenas 300 ml seria um exagero.
                Há receitas, como pernil de porco por exemplo, que usam todo conteúdo da garrafa, mas não era este o caso.
                Como eu tenho vários licores e essência para licor em casa, resolvi usar a essência de cacau.
                Uso muito os licores e as essências para preparar bolos e pães. As massas ficam maravilhosas.
                E como as essências e licores bem preparados e acondicionados duram anos, eu os aproveito em todo tipo de prato.
                No final da postagem veja como preparar as essências.


Língua ao molho de cacau 2
 
                Ingredientes:

                - 1 língua de boi;
                - 1 cebola grande;
                - 1 cenoura média;
                - 300 ml de essência de cacau;
                - 200 ml de caldo de carne;
                - 40 g de manteiga;
                - 2 colheres (das de sopa) de farinha de trigo;
                - cheiro verde a gosto;
                - 1 colher (das de chá) de pasta de alho;
                - sal e pimenta a gosto;
                - opcional: se gostar de molhos agridoces, use 200 ml de essência de cacau e 80 ml de licor de cacau;
                - se preferir fazer com vinho tinto seco, substitua a essência de cacau pela mesma quantidade de vinho tinto seco.

                Lave  língua e coloque-a na panela de pressão com a cenoura, metade da cebola, 1 colher, das de sobremesa, de sal e cheiro verde a gosto.

Língua ao molho de cacau 3

                Cubra com água e deixe cozinhar por cerca de 1 hora.
                Retire da panela, deixe amornar e remova a carne fibrosa da parte inferior e toda pele.
                Guarde o caldo (e os temperos) que se formou na panela para preparar uma sopa.
                Corte a língua em fatias e reserve.
                Coloque a essência e o licor (ou só a essência ou o vinho tinto) em uma panela e leve ao fogo, até reduzir pela metade.

Língua ao molho de cacau 4

                Junte o caldo de carne e deixe ferver por cerca de 7 minutos.
                Reserve este molho.
                Rale a outra metade da cebola.
                Aqueça a manteiga, junte a cebola ralada, a pasta de alho e deixe evaporar todo o suco da cebola.

Língua ao molho de cacau 5

                Acrescente a farinha de trigo e mexa até que se forme um fundo amarronzado na frigideira.
                Não deixe este fundo queimar, queremos que doure apenas para dar cor ao molho, principalmente se estiver usando o vinho no lugar da essência de cacau.
                Despeje um pouco do molho de cacau e desfaça os grumos da pasta de cebola e farinha.
                Coloque o molho restante e mexa até que todo o fundo dourado se solte e incorpore ao molho.
                Tempere com pimenta do reino a gosto e corrija o sal.

Língua ao molho de cacau 6

                Junte a língua fatiada e deixe levantar fervura.
                Se o molho ficar muito grosso, use o caldo do cozimento da língua para chegar na cremosidade desejada para o molho.
                Passe para uma travessa e cubra com cheiro verde ou cebolinha picada a gosto.

 
Língua ao molho de cacau 7

                A essência de cacau pode ser feita com nibs de cacau ou com cacau em pó.
                Nibs de cacau nada mais é do que a amêndoa do cacau triturada e pode ser encontrada em lojas de produtos naturais e empórios.
                Para preparar a essência basta misturar 100 g de nibs ou de cacau em pó (cacau puro, sem adição de açúcar) com uma garrafa de vodka ou álcool de cereais ou aguardente.
                Deixe macerar por 10 dias, se estiver fazendo só para a receita, ou indefinidamente, se quiser ter sempre essência em casa. A essência, quando guardada em vidros bem esterilizados, dura décadas. O licor também.
                E a medida que for usando a essência, você pode colocar mais vodka ou álcool de cereais para preparar nova essência. Repita este processo até que perceba que os nibs ou o cacau já não liberam mais cor e sabor.
                Nunca guarde a essência em garrafas de plástico, se for guardar por mais de 1 mês. O plástico é poroso e a essência ficará contaminada com o tempo. Nas 3 últimas imagens eu mostro a essência feita em garrafinhas de aguardente, que são de plástico, para mostrar que se pode comprar este tipo de aguardente que vem em embalagens de 470 ml, ideal para quem quer preparar pouca essência ou para quem quer testar a receita das essências. Mas quero frisar que para guardar por mais de 1 mês, envase em garrafas de vidro bem esterilizadas e fechadas com rolhas de cortiça também bem esterilizadas.
                 Para saber mais detalhes sobre preparar licor de cacau leia aqui.
Para ver outras receitas com carnes acesse o Índice 4.



Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


Nenhum comentário:

Sua opinião sobre o nosso espaço é muito importante.
Por isso sinta-se à vontade para registrá-la. Ou use esse espaço para tirar dúvidas ou deixar sugestões.
Seja sempre bem-vindo(a).