11 de out de 2017

Canjiquinha com costela de porco



Canjiquinha com costela de porco 1

                Canjiquinha, para quem não sabe, é xerém de milho ou milho picadinho.
                Nós gostamos muito de sopa de canjiquinha e de canjiquinha preparada desta maneira que apresento aqui.
                Fiz, em uma ocasião, com costelinha de porco fresca e, depois que comecei a salgar carnes em casa, fiz com costelinha salgada.
                De quebra, terminei de preparar a costelinha salgada no forno. Ficou perfeita para acompanhar a canjiquinha.


Canjiquinha com costela de porco 2

               Canjiquinha com costelinha fresca de porco

               - 1 xícara (das de chá) de canjquinha/quirera fina ou grossa;
               - água bastante para hidratar a canjiquinha/quirera;
               - 500 g de costela de porco fresca;
               - 2 cebolas raladas;
               - 3 dentes de alho amassados ou 2 colheres (das de chá) de pasta de alho;
               - 1 limão;
               - sal a gosto;
               - cheiro verde a gosto;
               - 2 tomates pelados e picados;
               - 1 tirinha de pimentão verde;
               - 1 sachê de caldo de carne ou de tempero pronto;
               - 1 raiz de gengibre.

               Coloque a canjiquinha de molho com bastante água, durante a noite.

Canjiquinha com costela de porco 3

               Se estiver usando a canjiquinha mais grossa, leve-a para cozinhar em panela de pressão com um pouco de sal, por 15'.
               A canjiquinha mais fina cozinha rápido, por isso não precisa desse pré cozimento.
               Lave e limpe a costela de porco e esfregue o limão.
               Doure uma colher, das de chá, de açúcar e doure os pedaços de costela.
               Quando estiverem bem dourados, coloque a cebola, o alho e refogue.
               Junte os tomates, o cheiro verde, o pimentão picadinho bem miudinho, o sal, o gengibre ralado e o caldo de carne.
               Cubra com água e deixe a costela cozinhar.
               Quando a costela estiver macia, junte a canjiquinha, coloque mais água fervente e deixe cozinhar até a canjiquinha ficar bem macia e o caldo grosso.
               Corrija o tempero e o sal.
               Este prato pode ser mais sequinho, como uma polenta, ou mais cremoso, quase uma sopa.



Canjiquinha com costela de porco 4

               Canjiquinha com costelinha salgada de porco

               - 250g de canjiquinha/quirera/xerém de milho;
               - 2kg de costelinha de porco salgada;
               - cheiro verde;
               - 1 cebola;
               - 3 dentes de alho;
               - 100g de açúcar mascavo;
               - molho shoyo;
               - 1/2 colher (das de chá) de açúcar refinado;
               - azeite.

               Lave a costelinha para retirar o excesso de sal e coloque-a de molho, por 24h, trocando a água a cada 3h.
               Para aprender a salgar sua própria costelinha acesse este link aqui.

Canjiquinha com costela de porco 5

               Na véspera, coloque a canjiquinha de molho em bastante água.
               No dia, escorra a costelinha e retire a pele que cobre os ossinhos. Basta encaixar uma faca ou uma colher em algum ponto entre esta pele e os ossinhos e levantar uma ponta. Depois é só puxar esta pele, que sairá fácil.
               Escalde a costelinha, fervendo-a em bastante água e escorrendo a água. Repita 3 vezes.
               Se a peça comprada tiver uma ponta corte esta ponta em pedacinhos.

Canjiquinha com costela de porco 6

               Depois de escaldar, retire a peça maior e reserve.
               Coloque o açúcar em uma panela e deixe caramelizar, sem queimar.
               Coloque os pedaços menores na panela e doure.

Canjiquinha com costela de porco 7

               Vá virando os pedaços até que se forme um fundo na panela.
               Pingue água para soltar este fundo, enquanto vira estes pedaços.
               Quando os pedaços pequenos estiverem dourados, retire-os da panela e doure a peça maior. Não precisa dourá-la demais porque ela vai terminar de assar no forno e vai dourar bem.
               Gosto de bater a cebola, o alho e o cheiro verde no liquidificador porque aqui em casa alguns não gostam de morder temperos e também porque facilita muito o trabalho no dia a dia.
                Coloque o tempero sobre a peça maior que está na panela e junte os pedaços menores.

Canjiquinha com costela de porco 8

               Cubra com bastante água e deixe cozinhar por 30 minutos.
               Retire a peça maior, de costelinha, da panela e passe-a para uma forma.
               Misture o açúcar mascavo, o shoyo e um pouco do tempero batido.
               Pincele toda a costela e leve-a ao forno. Não precisa cobrir com papel alumínio.

Canjiquinha com costela de porco 9

               Escorra a canjiquinha e coloque na panela, junto com os pedaços menores de costela e o caldo resultante do primeiro cozimento.
               Se ainda tiver muito caldo, retire parte da panela e deixe ao lado, acrescentando na panela à medida que for necessário, até que toda canjiquinha esteja cozida.       

Canjiquinha com costela de porco 10

               Sirva a canjiquinha com a costela que, a esta hora, já deve estar bem dourada.

Para ver outras receitas com carnes ou legumes acesse o Índice 4.


Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


Nenhum comentário:

Sua opinião sobre o nosso espaço é muito importante.
Por isso sinta-se à vontade para registrá-la. Ou use esse espaço para tirar dúvidas ou deixar sugestões.
Seja sempre bem-vindo(a).