26 de jul de 2017

Bolinho de carne seca com abóbora



Receitas de todos nós

                É indiscutível que carne seca e abóbora fazem um par perfeito.
                A suavidade da abóbora é um contraponto delicioso para a rusticidade da carne.
                E este bolinho é uma agradável surpresa: a abóbora entra na massa.
                Perfeito para todas as horas.


Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


19 de jul de 2017

Broinha de fubá



Broinha de fubá 1

                Sempre gostei de broinha de fubá.
                Acho que é uma das receitas de forte apelo emocional, já que meus pais costumavam lanchar broinha de milho com refrigerante de laranja depois que colocavam seus filhos para dormir, já no começo de minha adolescência.
                Lembro que a última novela era proibida para nós (até que fizéssemos 12 anos) e algumas vezes papai comprava broinhas de fubá e refrigerante de laranja para eles lancharem enquanto assistiam à tv, quando sozinhos.
                Me lembro também de uma vez quando tive autorização para ficar acordada e compartilhar deste lanche e ver a novela. Me senti tão adulta!!!!!!
                É claro que no café da manhã elas também tinham presença garantida, pela leveza e sabor.
                Como a vida era mais simples e leve nesta fase!!!!!


Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


12 de jul de 2017

Bolo cremoso de fubá



Bolo cremoso de fubá 1

                Bolos de fubá podem ficar ressecados com mais facilidade do que os feitos com outras farinhas.
                É claro que existem maneiras de deixar a massa mais úmida.
                Até que de vez em quando eu gosto de um bolinho de fubá mais seco. Com café quentinho fica ótimo.
                Mas em geral prefiro as massas mais úmidas.
                Esta massa feita com polenta doce como base é espetacular.


Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


5 de jul de 2017

Feijão com abóbora



Feijão com abóbora 1

                "Ninguém sabe tanto que não possa aprender e nem sabe tão pouco que não possa ensinar".
                Como isso é verdadeiro!!!!!
                Sou carioca e como tal, feijão preto sempre esteve presente em nossas mesas. Todo santo dia e dia santo também!
                Desde que aprendi a prepará-lo, coloco pelo menos um pedacinho de carne seca e toucinho fumeiro (bacon) para temperar. Você pode dizer que isso é feijoada, mas um pedacinho só faz uma feijoada????
                 E sempre amei, quando tinha abóbora cozida, amassar a abóbora e misturá-la ao feijão. Mas lá em casa sempre cozinhamos a abóbora descascada e em separado.
                 Ai me casei e descobri que minha sogra costumava cozinhar a abóbora com casca dentro do feijão. Acabei incorporando este hábito, já que meu (ex) marido gosta muito de comer a abóbora no feijão, incluindo a casca, que sempre deixei para ele.
                 Anos depois, quando meu irmão Auli casou, aprendi com minha cunhada Martinha a colocar algumas folhinhas de manjericão para aumentar o sabor.
                 Outros anos mais, e minha mãe aprende com uma amiga a colocar suco de maçã com laranja na feijoada para cortar a gordura e torná-la mais leve e mais digestiva.
                 Juntando todos estes novos aprendizados, meu feijãozinho de todos os dias foi ficando cada vez melhor.
                 Hoje eu estou morando em outro estado e o feijão preto foi substituído pelo carioquinha preparado apenas com linguiça calabresa, mas para matar a saudade...


Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros