26 de out de 2016

Torta de pêssegos do filme "Refém da paixão"



Torta de pêssegos Refém 1

                Como eu já disse quando escrevi sobre a torta de pêssegos do seriado "Eu, a patroa e as crianças", esta torta de pêssegos do filme "Refém da paixão" foi até fácil de achar, mas tive que buscar em sites americanos reportagens sobre os bastidores da produção.
                Felizmente a cena onde é preparada a torta é uma parte importante do livro que deu origem ao filme, "Labor Day" de Joyce Maynard. Inclusive a receita da torta preparada no filme é da família da Joyce Maynard. A Susan Spungen, que é quem coordena a cena de preparação da torta, apenas adaptou algumas quantidades que não estavam especificadas no livro.
                E o que mais chamou a minha atenção foi o uso da nossa tão conhecida tapioca flocada. Sei que muitos dos nossos produtos são exportados e tem uma grande aceitação lá fora, mas confesso que foi divertido ouvir a palavra "tapioca" com sotaque americano, em um filme ambientado no extremo norte dos EUA.
                E não há como substituir a tapioca sem alterar o resultado do recheio.


Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


19 de out de 2016

Pipocas salgadas



Pipocas salgadas 1

                Quando nós éramos crianças e meu pai comprava pipoca para nós, ele sempre pedia ao pipoqueiro para misturar as duas: Pipoca salgada por baixo e pipoca doce por cima.
                Era uma delícia!!!!!
                Então, para fechar com chave de ouro nosso festival de pipocas, receitinhas salgadas!!!!


Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


12 de out de 2016

Pipocas doces



Pipocas doces 1
                 Sou carioca e como tal gosto mais das pipocas carameladas só com açúcar, diferente dos pipoqueiros paulistas que gostam das pipocas coloridas com corante.
                 Na verdade, em muitos doces é preciso usar corantes, mas tenho uma certa resistência a eles e sempre que possível procuro usar os corantes naturais resultantes de algumas frutas e verduras.
                 Mas não há como negar que uma mesa bem colorida faz a alegria da criançada e dos adultos também.
                 Então vamos abrir uma exceção e preparar pipocas de várias cores e/ou sabores.
                 É só uma vez ao ano, né?
                 E como falar em pipocas doces sem lembrar das pipocas de chocolate?


Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


5 de out de 2016

Risoto de camarão do Auli Neto



Risoto de camarão do Auli Neto 1
                Em casa em que todos os adultos gostam de cozinhar e transformam o preparo das refeições em festa, principalmente quando as famílias se reúnem nas férias ou nos feriados, é natural que as novas gerações se aventurem na cozinha desde cedo.
                Meus filhos e dois de meus sobrinhos já são adultos e eventualmente assumem a cozinha.
                E quando o fazem, o fazem com maestria.
                Este é o caso deste risoto feito por meu sobrinho Auli. Uma delícia!
                Reproduzi a sua receita e espero que esteja a altura.
                Valeu, Auli. Te amo!


Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros